Attílio Nélson D'Angieri

Attílio Nélson D'Angieri

Attílio Nélson D’Angieri, o “Tiuço”, nascido a 28 de janeiro de 1926, o caçula da família, filho de Attílio D’Angieri pistonista famoso, destacou-se no acordeon. Embora excelente “sanfoneiro”, tocando principalmente em festas de nossa zona rural e bailes de família quando jovem se dedica mais aos estudos. Frequentou e terminou o curso primário no Grupo Escolar Conde do Parnaíba, e fez o secundário, na época o temível Científico, no Ginásio “CULTO A CIÊNCIA”, em Campinas, onde estudara Santos Dumont e era considerado o 2º melhor do país em cultura e educação em sua época. Um lugar onde se estudava a fundo o latim, o grego, o espanhol, o inglês, o francês e a MÚSICA. Este “ginásio” perdia apenas para o “Pedro II” no Rio de Janeiro. Foi no “Culto a Ciência” que “Tiuço”, além do curso de Bacharel estudou música e dedicou-se ao acordeon.

Attílio Nélson D'Angieri

Formado também em contabilidade, iniciou sua carreira de professor aos 19 anos de idade em 1945, como um dos Fundadores da Escola Técnica “Padre Anchieta”, lecionando Matemática, Economia Política e Português. Aos 32 anos, já casado com Dona Odila Dinah D’Angieri e com seu primeiro filho, foi estudar odontologia na PUCC de Campinas, odontologia que exerceu até recentemente quando se aposentou em 1990. Como professor lecionou por 30 anos até a década de 70..., já com dois filhos nesta época, Rossano e Alessandro, hoje ambos médicos. Manteve-se ainda ativo como músico amador, tocando informalmente até finais da década de 60 e início da de 70. Além da música possui como hobby o amor a natureza e a criação de aves e pássaros ornamentais, atividade que se dedica desde menino, sendo um dos maiores ornitófilos de todos os tempos, criando e preservando dezenas de espécies de aves até hoje.

ligar música
Site desenvolvido por iD Studio 2010
Home
In Italiano
visitante(s) online no momento | no total